WABI SABI - A BELEZA IMPERFEITA





pinheiro negro; kuromatsu; wabi sabi; jardim japones
imagem do site http://fabiano.projetobonsai.com/ 
Wabi-sabi é um conceito estético japonês centrado na aceitação dos ensinamentos budistas da Transitoriedade . Nele a estética é muitas vezes descrita como uma beleza "imperfeita, impermanente e incompleta".
As características da estética wabi-sabi incluem assimetria, aspereza (rugosidade ou irregularidade), simplicidade, economia, austeridade, pudor, intimidade
e a valorização da integridade simplória de objetos e processos naturais.Depois de séculos incorporando influências artísticas e budistas chinesas, o Wabi-Sabi é a evolução para um ideal de beleza genuinamente japones. Nos livros de arte, costuma ser definido como "a beleza imperfeita"."Wabi-sabi é o traço mais proeminente e característico de beleza tradicional japonesa e ocupa aproximadamente a mesma Importância em valores estéticos que os ideais gregos de beleza e perfeição ocupam no Ocidente. O conceito de Wabi-Sabi se baseia em tudo o que é autêntico, reconhecendo três simples realidades:. nada dura, nada está acabado, e nada é perfeito "
O significado das palavras wabi e sabi é amplo e não se traduzem facilmente. Wabi conota simplicidade rústica e pode ser aplicado a objetos naturais ou artificiais. Também se referem a peculiaridades e anomalias que acrescentam exclusividade e elegância ao objeto. Sabi é a beleza ou a serenidade que vem com a idade, quando a vida útil do objeto e sua impermanência são evidenciados em sua pintura desgastada , ou em quaisquer reparos visíveis. Resumidamente, disse, Wabi é o tipo de beleza que é causada pelo tipo certo de imperfeição, e Sabi é o tipo de beleza que só vem com a idade.
No Budismo esta visão de mundo representa a transcendência para uma vida mais simples. E o Wabi Sabi pode ser sintetizado como a representação material do Zen Budismo.
Apesar dos conceitos do Wabi sabi serem religiosos em sua origem, o uso desse termo em japonês é muito casual no dia a dia, caracterizando também um estilo de vida. 

 
Um bom exemplo de Wabi Sabi pode ser visto em certos estilos de cerâmica japonesa, usados cerimônia do chá e Bonsai. Elas costumam ser rústicas e de aparência simples, com formas assimétricos e cores ou texturas refinadas, mas simples. Apesar da aparente simplicidade, esses itens costumam ser muito elaborados , e sua aparência, melancolicamente bela, instiga a capacidade de observação para discernir seus sinais escondidos. É como saber enxergar a beleza e o refinamento escondidos em um diamante bruto.

A estética Wabi Sabi pode ser vista em várias formas de arte japonesas como
Ikebana (arranjo floral)
Os jardins japoneses , jardins Zen e bonsai
Cerâmica japonesa
Cerimônia do chá japonesa

fontes: 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentário, sugestões e correções: deixe seu recado aqui.